Blog

NEGO DO BOREL E DUDA REIS: Você sabe analisar a falsidade nas pessoas?

Fala galera! Sou Vitor Santos especialista em Linguagem Corporal, perito técnico das micro expressões faciais certificado internacionalmente pelo Paul Ekman Group, investigador profissional pela CODI-SP e criador do maior canal de Linguagem Corporal do Mundo, o Metaforando. E hoje vamos de assunto polêmico, Nego do Borel e Duda Reis, tiveram seus nomes envolvidos em uma grande polêmica. O fim do relacionamento do casal revelou supostas traições e agora te pergunto: você sabe identificar pessoas falsas? Veja os sinais da traição ou da falsidade que pode estar acontecendo em seu dia-a-dia e você não observou ainda.

Vamos observar quais sinais existiam no caso da traição de Nego do Borel e Duda Reis, teria sido supostamente situações de pessoas falsas, manipulação social? Vou pontuar pra vocês cinco desses sinais do comportamento de uma pessoa manipuladora para que você fique atento e mantenha distancia e não se deixe dominar. Vamos entender a situação.

Nosso contexto é que Duda Reis e Nego do Borel namoram, dentre várias situações que foram expostas pela mídia recentemente, assim como outras inúmeras traições, veio a tona um áudio de uma suposta amiga do casal chamada Lisa, uma pessoa que sempre frequentava a casa deles então era de conhecimento mútuo de ambos, esse áudio foi noticiado como sendo essa garota uma “suposta amante” e que teria tido um “caso” conforme conta no áudio teria tido relações com Nego do Borel. Surgiram vários comentários de que essa tal de Lisa era muito falsa, por frequentar a casa do casal, ser amiga da Duda e ainda assim trazer essa traição a tona através desse áudio. Não estou aqui para julgar atitude de ninguém, não juiz de nada, mas vou pontuar aqui comportamentos que podem ocorrer em pessoas falsas, falsos amigos, falsos parceiros ou parceiras ou pessoas falsas que se aproximam de você pra tirar algum proveito disso, sem julgamentos em relação a Duda e Nego do Borel e muito menos a Lisa, amiga do casal, apenas quero falar sobre o comportamento de pessoas falsas e tenho essa situação que foi noticiada como sendo Lisa, uma farsante, vou usar essa situação pra falar de algo que acontece e é real e podemos observar o comportamento da FALSIDADE.

 

Primeiro sinal: SORRISOS FALSOS – Ou seja, sorrisos não genuínos, quando a emoção de felicidade não é experienciada de forma honesta, a pessoa não ficou feliz de verdade, basicamente existe um termo que foi chamado como o SORRISO DE DUCHENNE pelo fisiologista Guillaume Duchenne, como sendo o sorriso verdadeiro, quando há felicidade estampada na face, no qual a pessoa expressa o sorriso com o musculo zigomático maior (Lábios) juntamente com o musculo orbiculares ocule, comprimindo a região ao redor dos olhos, formando enrugamento nas laterais dos olhos, os famosos pés de galinha, esse tipo de sorriso, sorrir com olhos define um sorriso genuíno, mostra que a pessoa está realmente feliz. Mas se a pessoa fica sempre perto de você e ela não está sorrindo verdadeiramente, ela está expressando o famoso sorriso amarelo que é citado no livro da Pamela Mayer – LIESPOTTING, aquele sorriso que não tem contração na face superior é só na parte inferior (boca). Se você notar esse sorriso com muita frequência, ele pode nos apontar que a pessoa está expressando um sorriso falso. Essa pessoa está perto de você e trazendo sempre um sorrisinho “meia boca” amarelo, nunca está feliz de verdade? Está sempre posando emoções? O que será que ela está fazendo então perto de você? Fica a dúvida aí!

É comentado também no livro A ARTE DE LER MENTES de Henrik Fexeus, que pessoas manipuladoras tendem a te enganar manipulando as próprias emoções, então elas estão sempre sorrindo com bastante frequência, mas o detalhe é que o sorriso quase nunca é verdadeiro, sempre aquele sorrisinho amarelinho, vale ficar atento a isso.

Existe outro critério comentado para sorrisos falsos no livro EMOTIONS REVEALED de Paul Ekman, que basicamente quando a emoção é muito brusca e do nada ela se desfaz, ele vem e vai num segundo, esse tipo de emoção de felicidade brusca é também chamado como F2 no protocolo SCANS como uma emoção forjada, ela pode até comprimir os olhos mas é muito rápido e brusco, essa emoção é falsa. Um sorriso não genuíno vale a pena ficar atento em pessoas que ficam a todo momento manipulando emoções, isso pode ser um dos critérios de manipuladores sociais, manipular as próprias emoções pra gerar algo em você e te manipular.

Segundo sinal: EXPRESSÕES NEGATIVAS COM FREQUENCIA – algumas delas comentadas no livro LINGUAGEM DAS EMOÇÕES e no livro UNMASKING THE FACE, ambos retratam uma pesquisa de Paul Ekman e Wallace Friesen, emoções negativas são retratadas como desprezo e nojo, basicamente o desprezo é caracterizado pela expressão de superioridade ou quando eu caracterizo algo como inferior, e o nojo expressado para demonstrar algo repulsivo. O desprezo é muito fácil de ser observado porque é a ÚNICA emoção que tem emoção unilateral (apenas um lado do rosto), um meio sorriso ou um meia compressão no canto dos lábios formando uma covinha, e o nojo formado pelas contrações formadas no sulco nasolabial ou na lateral do nariz, causando enrugamento e a elevação do lábio superior também. Basicamente essas duas emoções, se observadas com frequência podem denunciar que aquela pessoa não nutre emoções positivas por você, isso acontece basicamente porque quanto mais emoções eu sinto, quanto mais expressões emocionais de uma mesma emoção a pessoa demonstra em um curto espaço de tempo, maior é o gatilho dela para aquela emoção, então começou a observar esse tipo de comportamento facial em uma pessoa próxima a você, fique esperto com ela pois ela está demonstrando que a relação de vocês está próxima a acabar.

Terceiro Sinal: NÃO RECONHECE LIMITES – Está a toda hora tentando invadir o seu espaço, que pode ser chamado também de proxêmica forçada, alguns antropologistas como Edward T. Hall, mostram pra gente que proxêmica, ou seja, o nosso espaço pessoal é algo que denuncia como a gente se sente no momento. Perceba, você se aproxima de pessoas que você gosta (fisicamente), deixa que elas fiquem bem perto, já pessoas que você não conhece muito bem, você cumprimenta a distancia, senta mais longe dela numa mesa de reunião para criar um espaçamento entre essa pessoa. O que acontece é que pessoas falsas estão toda hora tentando ganhar a sua confiança, tentando se aproximar de você, é muito comum que elas acabem tendo uma proxêmica muito forçada fisicamente, ou seja ficar toda hora tentando chegar perto, toda hora quer abraçar,” Vem aqui…fica aqui comigo”, insistindo pra que você fique fisicamente perto dela ou toda hora forçando ficar próximo de você e também um limite de espaço psicológico. Imagine que tem alguma coisa que você não gosta e nem gosta de comentar, e essa pessoa está a toda hora voltando nesse assunto, ai ela pede desculpas pra você, é uma forma de ir testando até onde você consegue barrar ela, isso é uma forma que ela tem de ganhar território naquilo que você não gosta também, isso é descrito no livro DANGEROUS PERSONALITIES do ex agente do FBI Joe Navarro.

Quarto sinal: NÃO DÁ ATENÇÃO PARA ALGO QUE VOCE CONSIDERA IMPORTANTE – É muito comum que esse tipo de pessoa manipuladora ou que tenta criar em você um gatilho de submissão, acabe não recompensando você, acabe não te dando atenção quando algo positivo acontece pra você, porque é uma forma de reforçar a ideia de que você não é tão importante assim. Então é muito comum que manipuladores sociais e falsos amigos ou falsos parceiros, eles se aproximem de você e quando algo de bom começa acontecer pra você e você quer contar, eles simplesmente ignoram, eles não comentam nada, ao contrário, pessoas abusivas nos relacionamentos estão sempre falando delas e quando algo de bacana acontece pra você, elas nem dão valor e colocam logo um assunto novo pra não continuar aquela conversa, fique atento.

Quinto sinal: USAM LINGUAGEM IMPERATIVA – Ou seja, está sempre falando de forma “mandona”, pedindo algo, mandando você fazer algo: “Faz isso aqui pra mim… Pega aquilo lá pra mim… Ô fulano vem aqui”. Sempre te dando uma ordem, às vezes uma ordem meio velada: “Nossa eu precisava tanto que alguém fizesse isso pra mim, você faz? Ah, você é um amor, te adoro!” Mas já criando aquele gatilho de eu mando e você obedece, esse inclusive é um gatilho muito utilizado por pessoas que tem transtorno de personalidade psicopática, mas lembrando que não é qualquer pessoa que tem um gatilho de falar de forma “mandona” que é um psicopata, não dá pra finalizar um diagnóstico com base apenas nisto. Então se você observar esses cinco sinais em uma pessoa o que fazer? Especialista na área de segurança como Joe Navarro, Wallace Friesen, Pamela Mayer, recomendam que você se afaste desse tipo de pessoa, é o que vai evitar muito dor de cabeça! Observou esses sinais? Viu que a pessoa é estranha, converse com mais alguém que “convive” com ela e veja se também tem essa impressão que você teve, e o melhor a fazer por recomendação dos especialistas é ficar longe dela.

Bom galera, espero que vocês tenham anotado essas dicas e fiquem atentos ao redor para detectar pessoas falsas no seu dia- a- dia.

Abraços – Vitor Santos

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em:Blog